• Centro Ortopédico Ipiranga

Workshop de Técnicas Cirúrgicas


Cerca de 20 Residentes da UFRJ participaram do workshop Princípios Básicos de Estabilidade Relativa e Absoluta, coordenado pelo Dr. Paulo Roberto Barbosa. O evento aconteceu no dia 9 de novembro, no Hospital Quinta D'Or, no Rio de Janeiro.

O curso abordou temas como Hastes Intramedulares em Fratura Trocantérica de Fêmur; Fraturas Diafisárias de Fêmur, Tíbia e Úmero; Fratura Proximal de Úmero; Placas em Fratura de Fêmur Distal, Tíbia Proximal e Úmero Proximal; e Fixadores Externos.

Para Dr. Paulo Barbosa, o treinamento das habilidades manuais — os skills — relacionados a uma técnica nova, é uma das atividades mais difíceis do treinamento dos residentes ou de jovens cirurgiões. O workshop é o que mais se aproxima e permite ensinar os princípios básicos e as técnicas mais avançadas com toda segurança e conforto possível, sem que seja necessária a participação direta na cirurgia.

"Esse workshop é de suma importância, pois viabiliza o treinamento da habilidade dos residentes, nos permitindo orientar e corrigir possíveis erros, fazendo com que eles pratiquem exatamente como deve ser a técnica", reforça o coordenador do curso.

De acordo com o Dr. Cesar Fontenelle, Chefe do Serviço de Traumato-Ortopedia do Hospital Universitário Clementino Fraga Filho, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), o principal objetivo do curso foi a preparação dos seus R3 para a obtenção do Título de Especialista em Ortopedia e Traumatologia (TEOT), que será promovido pela Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT) em março de 2019, em Campinas.

"Desde 2012 existe uma fase da prova que é de habilidades, onde os postulantes ao título de ortopedista precisam mostrar as técnicas na prática. Esta avaliação é determinante para a aprovação ou não do candidato", explica o especialista. "Muitos serviços não dispõem de todo o material para o treinamento e é indispensável que eles treinem. Principalmente porque na prova as técnicas são realizadas em ossos sintéticos, o que faz diferença até mesmo para aqueles que têm experiência em osso humano", ressalta Dr. Cesar.

Segundo o médico, unindo o treinamento prático "Hands On" aos embasamentos teóricos, com todos os conceitos e fundamentos de osteossíntese, a preparação para o TEOT fica completa.

"É interessante que eles encontrem as dificuldades e saibam como sair delas no osso sintético, que é o que será cobrado na prova. E o Paulo Barbosa, para mim, é o maior nome da Ortopedia brasileira para promover esse tipo de workshop", avalia Dr. Cesar Fontenelle.

Embora o Quinta D'Or não tenha o serviço de residência, Dr. Paulo explica que a estrutura física e as condições técnicas do hospital permitem a realização de treinamentos como esse. "Ao fazer isso com os residentes da UFRJ, estamos dando um passo a mais na questão da educação continuada e no treinamento desses profissionais", destaca o especialista.

O evento contou com o apoio das empresas Porto Surgical e Stryker.

Confira o vídeo e as fotos do workshop:

.

#TécnicasCirúrgicas #EducaçãoContinuada

Rua Ipiranga, 109, Laranjeiras/RJ | Tel: (21) 2205-7996 / 3176-2061

Atendimento presencial e Teleatendimento

© Centro Ortopédico Ipiranga

Rua Ipiranga, 109, Laranjeiras/RJ

Tel: (21) 2205-7996 / 3176-2061

Especialidades

  • Ortopedia

  • Trauma Ortopédico

  • Ortopedia Geriátrica

  • Fisioterapia

  • Reabilitação Funcional

  • Preparação Física

  • Medicina Esportiva

  • Enfermagem

Convênios médicos:

  • Bradesco Saúde

  • Unimed

  • Saúde Caixa

  • Petrobras

  • SulAmérica Saúde

  • Real Grandeza

  • Mediservice

  • AMBEP

  • Banco Central do Brasil

  • Caberj

  • Unafisco Saúde

Solicite seu agendamento online AQUI (a marcação da consulta só será validada após o contato do COI)

Telemedicina - Saiba mais

Desenvolvido por GLF Comunicação